Arquivo da categoria: Borboletas na Cozinha

Parece Que Foi Ontem…

…o quê? pra começar, parece que foi ontem o meu dia de postar. E foi. Mas havia uma pia cheia de louças do jantar da sexta com amigos, havia um Mad Man pra conhecer (e ficar viciada), havia um filho … Continuar lendo

Publicado em Borboletas na Cozinha | Marcado com , , , | 2 Comentários

Cores de Frida Khalo

A Fabiana perguntou como fazer de folhinhas sem graça uma salada saborosa… dureza, viu. Eu sou mulher de torresmo. De panelada, buchada, feijoada. E, muito recentemente, descobri que sou, também e porque rima, de salada. desde que. Pois é. Tem … Continuar lendo

Publicado em Borboletas na Cozinha, Comida rápida | Marcado com , , | 3 Comentários

Noite Feliz

Então, é Natal. Tem quem não goste. Eu gosto. Deve ser culpa de filmes como A Felicidade Não se Compra e Milagre na Rua 34. Ou, talvez, dos rituais amorosos e cheios de alegria daqui de casa. Mas, suspeito que … Continuar lendo

Publicado em Borboletas na Cozinha

Minha Fome

A cozinha é minha. A casa é minha. Sozinha, passeio nos silêncios de cômodos que são espelhos do sem som que é o aqui dentro. Eu tenho um coração, acho. Mas está calado. Não há estetoscópio que decifre o soletrar … Continuar lendo

Publicado em Borboletas na Cozinha | Marcado com , | 2 Comentários

Sobre o que se fazer com caramelos…

Eu, sem energia. Não, não é uma metáfora. Cortaram-me a luz por ser distraída. Explico: paguei duas vezes a conta que venceu no comecinho de setembro. Que faz a empresa? devolve-me os dois dinheiros, um em outubro e outro quase ontem, começo de … Continuar lendo

Publicado em Borboletas na Cozinha | 2 Comentários

Enchendo linguiça…

As Blogueiras Feministas estão no seu Encontro Nacional e, assim, a linda Renata não está na cozinha. E não faço idéia do que elas estão comendo, mas sei que deve estar uma delícia por causa da companhia. Bom, eu não … Continuar lendo

Publicado em Borboletas na Cozinha | 1 Comentário

Um Sabor Amargo

“E nestes versos de angústia rouca Assim dos lábios a vida corre, Deixando um acre sabor na boca. – Eu faço versos como quem morre.” Você tem um pai. Ou irmã. Um primo. Uma vizinha. Um amigo. Uma tia. Um … Continuar lendo

Publicado em Borboletas na Cozinha | 6 Comentários