Lasanha

Adoro lasanha. Sou praticamente um garfield quando o assunto é lasanha. Só não sei fazer a lasanha perfeita. Tento, tento, e fica no máximo boa. Não excelente, não perfeita. Ontem, no mercado, lembrei que era meu dia de postar e fiquei  pensando na massa de lasanha que tinha comprado há algum tempo e estava encalhada no armário. Tenho dificuldade em fazer lasanha. Relação complicada, sempre fica aquela coisa meio sem jeito, meia boca, sabe? Lembrei da Lu, mulher de coragem, e cheia de coragem decidi fazer a lasanha. Dessa vez iria dar certo, ficar no ponto que eu queria. Comprei vinho tinto, porque, cozinhar tomando vinho é tudo nessa vida (e também para continuar corajosa, fazer lasanha ficar ótima é de uma pretensão gigante). Vamos lá, cheguei em casa, e iniciei os trabalhos.

O leite fervendo com a cebola, foto by Anne Rodrigues

Coloquei um litro de leite para ferver com cebola e cravos.

Primeira vez que faço desse jeito, normalmente eu faria um molho branco todo caprichado, mas fiquei pensando na lasanha que elegemos como perfeita, ou próximo da perfeição e o molho era bem líquido.

 

Molho de tomates, foto by Anne Rodrigues

Em outra panela fiz o molho de tomates. Apressei-me na medida do possível, porque estava um pouco atrapalhada. Abri o vinho, tomei um pouco e tirei fotos. Um adendo, ninguém está me suportando de tão exibida que fiquei depois da entrevista para o Mulheres de Segunda.

Voltando à lasanha, uma dica é cuidar do sal, temperei os molhos com bem pouco sal, porque ainda iria colocar o queijo e presunto. A quantidade usada de sal nos queijos e presuntos varia de marca para marca. Já deixei lasanha salgada demais  por causa disso. Muitas vezes. Então vale a pena prestar atenção.

Montei a lasanha e pus para assar.

Ficou lindona, gostosa, mas ainda assim, não é a perfeita. Vou ter que continuar tentando.
Lasanha prontinha, foto by Anne Rodrigues

 

Anúncios

Sobre annerodrigues

Amante de comida e de animais, feminista, advogada, boa ouvinte. O resto é o resto.
Esse post foi publicado em Quarta Gorda e marcado , , . Guardar link permanente.